Grândola Apresentou Candidatura Para Tornar “Grândola, Vila Morena” Património Fonográfico Nacional

A Câmara Municipal de Grândola, representada pelo presidente António Figueira Mendes, e a Diretora Regional de Cultura do Alentejo, Ana Paula Amendoeira, entregaram oficialmente no passado dia 29 de novembro o dossier da proposta de classificação dos registos sonoros de “Grândola, Vila Morena” como Património Fonográfico Nacional. Esta iniciativa foi marcada pela assinatura do protocolo que contempla a classificação de dois conjuntos de suportes de som históricos. Além disso, durante a cerimónia, foi apresentado o abrangente programa de comemorações dos 50 anos do 25 de Abril, organizado pela Câmara Municipal de Grândola.

A Importância da Classificação

A proposta de classificação dos registos sonoros de “Grândola, Vila Morena” como Património Fonográfico Nacional é uma ação significativa que reconhece a relevância histórica e cultural desta música icónica. A canção “Grândola, Vila Morena” ficou marcada como um símbolo de resistência e liberdade durante a Revolução dos Cravos em Portugal, ocorrida em 25 de abril de 1974. Esta música foi transmitida originalmente no programa “Limite” da Rádio Renascença, durante a senha do 25 de Abril, e também foi interpretada no I Encontro da Canção Portuguesa no Coliseu dos Recreios, em março de 1974.

O Protocolo de Classificação

O protocolo assinado entre a Câmara Municipal de Grândola e a Direção Geral do Património Cultural estabelece os termos e condições para a classificação dos registos sonoros de “Grândola, Vila Morena” como Património Fonográfico Nacional. Este acordo foi presenciado pela Comissária das Celebrações dos 50 anos do 25 de abril, Maria Inácia Rezola, e por diversas personalidades da sociedade civil, artística, política e local.

O Programa de Comemorações dos 50 anos do 25 de Abril

Durante a cerimónia de assinatura do protocolo, a Câmara Municipal de Grândola apresentou um programa abrangente e ambicioso para as comemorações dos 50 anos do 25 de Abril. Esse programa reúne escritores, ilustradores, escultores, artistas plásticos, atores, investigadores, realizadores e músicos de renome da cultura, ciência e artes nacionais. Ao longo de todo o ano de 2024, essas personalidades vão unir-se ao município de Grândola para realizar uma série de iniciativas que visam consolidar e reforçar os valores de abril.

Personalidades e Atividades Destacadas no Programa

Dentre os nomes destacados no programa de Grândola estão o ilustrador André Carrilho, responsável pela imagem gráfica das comemorações, e os escultores Vhils, Francisco Simões, José Aurélio, Moisés Preto Paulo e João Duarte, que estão criando obras de arte em todas as freguesias do concelho. Também participam do programa a artista plástica Fernanda Fragateiro e os músicos Fernando Tordo, Rodrigo Leão, Paulo de Carvalho, Agir, Ana Bacalhau, Capicua e J.P. Simões.

Além disso, o programa abrange diversas atividades nas áreas da literatura, cinema, teatro, dança e desporto. Esta abrangência reflete o objetivo de celebrar os valores e ideais que abril concedeu ao povo português, bem como a resistência e afirmação de um mundo mais próspero, justo, inclusivo e fraterno.

O Significado de Grândola no Mundo Atual

Graças à eterna ligação ao 25 de Abril, o nome de Grândola tornou-se um símbolo de esperança. A cidade é reconhecida como um local que representa o progresso, o bem-estar geral, a paz e o respeito pelos direitos humanos. A história de Grândola está entrelaçada com o legado do 25 de Abril, e o seu nome é lembrado como um exemplo de resistência e superação de repressão.

A classificação dos registos sonoros de “Grândola, Vila Morena” como Património Fonográfico Nacional será uma conquista importante para a cidade de Grândola e para todo o país. Esta ação reconhece a relevância histórica e cultural desta música icónica, que se tornou um símbolo de liberdade e resistência. Além disso, o programa de comemorações dos 50 anos do 25 de Abril promovido pela Câmara Municipal de Grândola proporcionará uma série de eventos e atividades que reforçarão os valores de abril e celebrarão a história e a cultura do país.

PARTILHE NAS REDES
- PUBLICIDADE -

Você também pode gostar:

ESPECIAL-25-DE-ABRIL
Cultura
Quinta-feira, 25 de Abril de 1974

“…Ritinha, fiquemo-nos por aqui, que o conto agora vai longo e repetido. Fecha o

Eleicoes-Europeias
Atualidade
Exercer o Direito de Voto Antecipado nas Eleições Europeias 2024

As Eleições para o Parlamento Europeu de 2024 estão à porta e, para garantir

Cristina-Branco-Canta
Cultura
Celebrando 50 Anos de Liberdade: Cristina Branco Canta "Abril" - Um Tributo Emocionante a José Afons...

Num momento histórico em que Portugal celebra os 50 anos do 25 de Abril,