Hospital do Barreiro sem Urgências nem internamento de Cardiologia

O Serviço de Cardiologia da Unidade Local de Saúde do Arco Ribeirinho (ULSAR), no Hospital Barreiro-Montijo, não está a realizar atendimento de urgências e internamentos, desde segunda-feira, dia 26.

A alteração no funcionamento desta ULS deve-se à incapacidade de reforçar a equipa médica e esta incapacidade levou, necessariamente, ao cancelamento da atividade assistencial na área do internamento/urgência.

A alternativa para quem necessite de cuidados na especialidade de cardiologia, continuará a ser assegurada aos utentes, nos termos da Rede de Referenciação da especialidade de Cardiologia do Serviço Nacional de Saúde (SNS).

As Redes de Referenciação constituem-se como um sistema de organização dos serviços que permitem assegurar relações de complementaridade e apoio técnico entre as diferentes instituições de saúde do SNS, garantindo o acesso de todos os doentes, de acordo com as suas necessidades específicas, devendo ser entendidas como um sistema integrado de prestação de cuidados de saúde, assente em princípios de racionalidade, complementaridade, apoio técnico e eficiência.

O recurso à Linha SNS24, através do número 808 24 24 24 é aconselhado de forma a garantir o auxílio e acompanhamento em situações de risco.

O serviço de Cardiologia passará, a partir de agora, a concentrar os seus esforços na actividade de ambulatório, nomeadamente em consultas externas, exames da especialidade e implantação de pacemakers com base na “preocupação a necessidade de garantir a prestação de cuidados de saúde em segurança” à população e no “reforço da resposta aos doentes que aguardam a realização de consultas externas”.

Por abrir continua a urgência obstétrica e ginecológica/bloco de partos do Hospital do Barreiro. 

A Urgência Obstétrica e Ginecológica / Bloco de Partos reabriu em outubro último, em instalações requalificadas e com novos equipamentos.

Com um investimento de cerca de 900 mil euros, esta intervenção foi realizada no seguimento da aprovação de candidatura ao Programa de Incentivo Financeiro à Qualificação dos Blocos de Partos do SNS.

Não foi dada, no entanto, qualquer explicação para a manutenção do encerramento para além do previsto.

PARTILHE NAS REDES
- PUBLICIDADE -