Montijo, Seixal e Cacilhas: A Chegada da Nova Frota de Navios Elétricos

Nos últimos anos, o transporte de passageiros entre Montijo e Lisboa tem enfrentado desafios significativos. No entanto, uma nova esperança surge com a chegada da nova frota de navios elétricos da Transtejo. Neste artigo, exploraremos os planos para a renovação da frota, as melhorias nas viagens fluviais e os benefícios ambientais desta transição.

A Nova Frota de Navios Elétricos

A presidente da Transtejo, Alexandra Carvalho, revelou que a nova frota de navios elétricos será composta por dez embarcações modernas e eficientes. Desses dez navios, dois serão alocados para a rota Montijo-Lisboa, dois para a rota Seixal-Lisboa e três para a rota Cacilhas-Lisboa. Além disso, três navios ficarão em reserva para manutenção e eventuais avarias.

A expectativa é de que os 10 navios elétricos comecem a operar no segundo semestre de 2024. Esta nova frota trará inúmeras vantagens para os passageiros, incluindo uma experiência de viagem mais confortável e rápida. Mas como será possível manter estes navios carregados e em pleno funcionamento? A resposta está na infraestrutura de carregamento.

Estação de Carregamento e Autonomia das Baterias

Um dos principais desafios enfrentados pela nova frota de navios elétricos da Transtejo é a recarga das baterias. No entanto, Alexandra Carvalho tranquiliza os passageiros ao afirmar que o tempo de carregamento de um navio será de apenas sete minutos. Além disso, serão instalados cinco postos de carregamento estrategicamente localizados nos terminais de Cais Sodré, Montijo, Seixal e Cacilhas.

Estes postos de carregamento garantirão que os navios estejam sempre prontos para a próxima viagem, eliminando preocupações com a autonomia das baterias. Portanto, independentemente do tempo de duração da viagem, os passageiros podem esperar que as carreiras não sofram grandes alterações quanto ao tempo de percurso.

Viagens Experimentais e Primeiras Impressões

Antes do início oficial das operações, a Transtejo realizará viagens experimentais para testar e ajustar o desempenho dos novos navios elétricos. Essas viagens permitirão avaliar a eficiência das embarcações e garantir que todas as melhorias necessárias sejam implementadas antes de receberem os passageiros.

As primeiras viagens experimentais serão realizadas nas próximas semanas, e os passageiros terão a oportunidade de embarcar no “Cegonha-Branca”, o primeiro dos dez navios já entregue pela construtora espanhola Gondán. Esta será uma excelente oportunidade para os passageiros conhecerem os novos navios e compartilharem as primeiras impressões sobre a experiência de navegar no Tejo nestes navios.

Investimento no Plano de Renovação da Frota

O investimento total no plano de renovação da frota da Transtejo, até ao momento, é de 92 milhões de euros. Recentemente, o Governo reprogramou mais 10 milhões de euros para garantir que todas as melhorias planeadas sejam realizadas. Este investimento reflete o compromisso em fornecer um serviço de transporte de passageiros de qualidade e sustentável.

É importante ressaltar que a renovação da frota é essencial para superar os desafios enfrentados atualmente pela Transtejo. Antes da chegada dos novos navios, a empresa enfrentava problemas de manutenção e falta de embarcações operacionais. No entanto, com a conclusão das docagens necessárias e a entrega dos novos navios, a Transtejo poderá oferecer um serviço mais confiável e eficiente.

O Impacto Ambiental da Frota Elétrica

Além dos benefícios para os passageiros, a transição para uma frota de navios elétricos terá um impacto significativo no meio ambiente. A redução das emissões de gases de efeito estufa é um dos principais resultados esperados desta mudança. Os navios elétricos são muito mais limpos em comparação com os movidos a combustíveis fósseis, contribuindo para a melhoria da qualidade do ar e para a sustentabilidade da região.

Esta mudança também é um reflexo do compromisso global com a redução das emissões de carbono e a transição para fontes de energia renovável. A Trantejo está a alinhar-se com essa tendência, fazendo a sua parte para combater as mudanças climáticas e promover um futuro mais verde para as próximas gerações.

A chegada da nova frota de navios elétricos é uma notícia emocionante para os moradores da Margem Sul e para todos os passageiros que utilizam o transporte fluvial entre Montijo, Seixal, Cacilhas e Lisboa. Com a promessa de viagens mais rápidas, confortáveis e sustentáveis, esta renovação representa um passo importante para melhorar a qualidade de vida e a mobilidade na região.

PARTILHE NAS REDES
- PUBLICIDADE -

Você também pode gostar:

Adote-um-Animal
Atualidade
Adote um Animal de Estimação em Seixal: Proporcionando Amor e Cuidados aos Patudos

A adoção de um animal de estimação é uma decisão que requer cuidado e

Passeio-de-BTT
Lazer
Passeio de BTT em comemoração ao 99º aniversário do Independente Futebol Clube Torrense

O Independente Futebol Clube Torrense está a celebrar o seu 99º aniversário e, como

Aescolamexe
Atualidade
Aescolamexe: Planeie atividades e eventos incríveis com o apoio da autarquia do Seixal

Já imaginou poder participar em atividades culturais e desportivas durante todo o ano letivo?