Requalificação “à Capela” de São Sebastião

Pelas 11 horas de terça-feira, dia 12, Sesimbra assistiu à inauguração da Capela de São Sebastião. Este importante monumento local, dos mais antigos de Sesimbra, vê agora a sua dignidade histórica restaurada, após ter chegado, pelo desgaste do tempo e ausência de intervenção estrutural, à ruína.

Erigida em 1484 a Capela foi dedicada a São Sebastião santo protetor contra a peste e demais doenças contagiosas, pelos mareantes, mandadores e habitantes da vila. Há mais de um século que pertence à edilidade por força da lei de separação da igreja e do estado, datada de 1911.

A Capela foi alvo de um cuidadoso trabalho de reabilitação levado a cabo pela Câmara Municipal de Sesimbra, à semelhança do que acontece com o demais património histórico e cultural do município, como são os casos da Fortaleza de Santiago, o Castelo de Sesimbra, a Casa do Bispo, a Casa da Água do Cabo Espichel ou o Aqueduto do Cabo.

Apenas os registos das visitações das ordens religiosas dão algumas pistas de como seria o traçado original da capela. A Visitação da Ordem de Santiago, efectuada por D. Diogo de Gouveia, Prior-Mor do Convento de Palmela e da Ordem de Santiago em 1516, refere que seria feita de “paredes de pedra e barro, madeira de castanho, [e] ocupava uns modestos 93,7m2”, sabe-se ainda que a capela-mor teria paredes forradas a azulejos.

A recuperação da Capela começou em 2017, com as sondagens e escavações arqueológicas, com o objectivo de se compreender a evolução e uso ao longo do tempo. Parte da obra foi executada com base em métodos históricos, como por exemplo através do recurso a argamassas à base de cal e areia.

No seu interior, a traça original apresenta uma nave ampla, de onde se destaca o arco triunfal, uma peça muito importante de cantaria em pedra do Zambujal.

A Capela de São Sebastião abre portas transformada num espaço cultural com uma das melhores vistas sobre a vila e o mar.

PARTILHE NAS REDES
- PUBLICIDADE -

Você também pode gostar:

ESPECIAL-25-DE-ABRIL
Cultura
Quinta-feira, 25 de Abril de 1974

“…Ritinha, fiquemo-nos por aqui, que o conto agora vai longo e repetido. Fecha o

Eleicoes-Europeias
Atualidade
Exercer o Direito de Voto Antecipado nas Eleições Europeias 2024

As Eleições para o Parlamento Europeu de 2024 estão à porta e, para garantir