Vários Restaurantes da Costa de Caparica Recebem Ordem de Despejo, entre eles “O Barbas”

A Costa de Caparica é conhecida pelas suas praias deslumbrantes, clima agradável e oferta diversificada de restaurantes à beira-mar. No entanto, nos últimos tempos, vários estabelecimentos enfrentam uma situação preocupante. A Câmara Municipal de Almada emitiu uma ordem de despejo para mais de duas dezenas de restaurantes na região, incluindo o icónico “O Barbas”. Esta notícia tem gerado consternação entre os proprietários e funcionários destes estabelecimentos, que são parte integrante da comunidade da Costa de Caparica.

A História de “O Barbas”

Entre os restaurantes afetados pela ordem de despejo, destaca-se “O Barbas”. Com 45 anos de história, o nome Barbas é conhecido e apreciado pelos moradores e visitantes da Costa de Caparica. Proprietário do restaurante, António Ramos, de 78 anos, é uma figura emblemática da região. Ele é carinhosamente chamado de “Barbas do Benfica” e tem-se dedicado a oferecer uma experiência gastronómica única aos seus clientes.

Ao longo dos anos, António Ramos investiu o próprio dinheiro para pagar o aluguer do espaço e realizar melhorias nas instalações do restaurante. No entanto, agora vê-se diante da possibilidade de ter que deixar o local que se tornou na sua segunda casa.

Em entrevista ao jornal Público, António Ramos expressou frustração com a situação: “Não me estou a ver sair daqui. É o Barbas que traz pessoas à Costa de Caparica, não é a câmara. Ninguém nos liga nenhuma. Só servimos para dar apoio às praias. Pagamos aos nadadores-salvadores no verão e não é assim tão pouco como isso. E agora querem-me pôr daqui para fora”.

A Ordem de Despejo e as Mudanças na Câmara Municipal de Almada

Os restaurantes da Costa de Caparica receberam as notificações de despejo no final de novembro e início de dezembro. Inicialmente, foram informados que teriam de deixar as instalações em até dez dias, devido ao término dos contratos de concessão. No entanto, poderiam continuar a operar desde que pagassem uma mensalidade, sem que isso significasse a renovação dos contratos.

Segundo o advogado Paulo Edson Cunha, representante de alguns dos restaurantes afetados, houve uma mudança de planos por parte da Câmara Municipal de Almada nos últimos anos. O advogado menciona um contrato que previa uma concessão por mais 18 anos, mas a presidente da câmara recuou sem fornecer uma justificativa plausível.

Em resposta às críticas, a Câmara Municipal de Almada afirmou que está em processo de desenvolvimento dos procedimentos necessários para o lançamento de concursos públicos. Além disso, ressaltou que buscará realizar a transição de forma rápida e com o menor impacto possível para os almadenses e visitantes da Costa de Caparica.

O Impacto na Comunidade

A ordem de despejo dos restaurantes da Costa de Caparica tem gerado preocupação entre os moradores e comerciantes locais. Estes estabelecimentos são responsáveis por oferecer empregos e contribuir para a economia da região. Além disso, tornaram-se pontos de encontro para a comunidade, onde amigos e familiares se reúnem para desfrutar de momentos agradáveis.

António Ramos destaca que “O Barbas” não é apenas um restaurante, mas um local que proporciona momentos de lazer e diversão para os visitantes da Costa de Caparica. A possível saída do estabelecimento pode ter um impacto significativo na identidade e no turismo da região.

O Futuro dos Restaurantes da Costa de Caparica

Apesar das incertezas e preocupações, espera-se que a situação seja resolvida de forma justa e equilibrada para todas as partes envolvidas. A Câmara Municipal de Almada está comprometida em realizar concursos públicos para a concessão dos espaços, garantindo a continuidade da oferta de restaurantes de qualidade nas praias da Costa de Caparica.

Enquanto isso, proprietários e funcionários dos restaurantes afetados estão a mobilizar-se para procurar soluções e garantir a permanência dos seus negócios na região. Estão cientes do apoio da comunidade local e da importância de preservar a tradição e a cultura gastronómica da Costa de Caparica.

A Costa de Caparica é um destino turístico querido por muitos, graças à sua beleza natural e oferta gastronómica diversificada. Espera-se que os problemas enfrentados pelos restaurantes sejam superados e que continuem a servir como âncoras no desenvolvimento e no fortalecimento da comunidade local.

PARTILHE NAS REDES
- PUBLICIDADE -

Você também pode gostar:

Eleicoes-Europeias
Atualidade
Exercer o Direito de Voto Antecipado nas Eleições Europeias 2024

As Eleições para o Parlamento Europeu de 2024 estão à porta e, para garantir

Flexibus-Expande-Servico
Atualidade
Flexibus Expande Serviço Gratuito de Mobilidade Inclusiva a Caparica e Trafaria

A mobilidade é um desafio crucial para muitas comunidades, especialmente aquelas com acesso limitado