Descobrir Almaraz 2023

Descobrir Almaraz 2023

O Sítio Arqueológico da Quinta do Almaraz, situado junto ao Castelo de Almada, é um povoado do 1º milénio a.C. que surge no contexto da diáspora das populações fenícias para o Ocidente. Identificado em 1986, é uma das mais importantes ocupações da Idade do Ferro assinaladas na Fachada Atlântica Portuguesa.

As populações de origem fenícia estabeleceram-se entre o século VII a.C. e finais do V ou inícios do IV a.C.. A localização privilegiada, numa plataforma detentora de um amplo domínio visual e estratégico sobre o rio Tejo, levou a que tivesse um papel determinante nas dinâmicas produtivas, comerciais e administrativas da área durante aquele período. 

A influência vinda de oriente esteve na origem da introdução de inovações tecnológicas, nomeadamente na arquitetura, com a adoção de estruturas habitacionais de planta ortogonal e compartimentação interna do espaço. Foram ainda recolhidos testemunhos materiais relacionados com atividades como a metalurgia, a pesca, a caça e a agricultura. O auge da ocupação ter-se-á feito sentir no decurso do século VI a.C..

O conjunto de materiais recolhidos durante as escavações e as características proto-urbanas da sua arquitetura revelam uma comunidade pujante, que aqui habitou ao longo de vários séculos. É também, por esta razão, um dos mais importantes sítios arqueológicos da região.

Em julho estará a decorrer a quarta campanha de escavação do projeto de investigação em desenvolvimento. 

Nesse sentido, nos dias 19, 20 e 21 de julho, entre as 9h00 e as 12h00, a Câmara Municipal de Almada convida-o a conhecer o trabalho desenvolvido pelos arqueólogos em contexto de escavação, numa visita ao local. 

Esta é uma iniciativa gratuita, destinada a visitantes de todas as idades. Para mais informações, poderá entrar em contacto através do email arqueologia@cm-almada.pt

PARTILHE NAS REDES
- PUBLICIDADE -