Ciclo de Música Medieval Cezimbra Antiqua: Um mergulho na história da música

O Ciclo de Música Medieval Cezimbra Antiqua é um evento cultural que tem conquistado o coração dos amantes da música medieval e renascentista. Realizado em Sesimbra, na Igreja de Nossa Senhora da Consolação do Castelo, este ciclo apresenta uma programação diversificada de concertos, repletos de melodias evocativas que nos transportam para a época medieval. Neste artigo, exploraremos os destaques deste ciclo, mergulhando em cada um dos concertos oferecidos e descobrindo as histórias e os talentos por trás de cada performance.

Música de Raiz Celta para Harpa e Flauta

O ciclo tem início no dia 11 de novembro às 16h, o Duo Sibyllæ convida-nos a mergulhar na música de raiz celta. Neste concerto, intitulado “Música de Raiz Celta para Harpa e Flauta”, Joana Amorim (traverso e flauta) e Rebeca Csalog (harpa) encantam-nos com melodias cativantes e envolventes. A combinação destes dois instrumentos cria uma atmosfera mágica, relembrando as tradições musicais ancestrais dos povos celtas.

Do Sagrado ao Profano: Uma Experiência Musical Única

No dia 12 de novembro às 16h, o grupo Gaudium Vocis leva-nos numa jornada musical do sagrado ao profano. Neste concerto, Rui Soares (harpa, órgão portativo, voz e percussões), José Machado (tambor de cordas, voz e percussões), Fabiana Magalhães (flauta, voz e percussões) e Pedro Martins (alaúde medieval, saz e percussões) presenteiam-nos com uma seleção de músicas que abrangem desde o Trecento italiano até a música contemporânea. Esta experiência musical única mostra-nos como a música transcende os séculos e continua a emocionar-nos e encantar-nos.

Uma Viagem pela Música Medieval e Renascentista

No dia 18 de novembro às 16h, o Ensemble Diferençias encanta-nos com um concerto de música medieval e renascentista. Neste evento, intitulado “Música Medieval e Renascentista”, os músicos Sara Ponte (flautas), Susana Moody (contralto, viola da gamba e percussões), Nuno Vasconcelos (vihuela), Filipe Simões (percussões) e Gonçalo do Carmo (gaita-de-foles, flautas e percussões) levam-nos numa jornada musical através dos séculos, explorando as ricas sonoridades e melodias desta época fascinante.

Música Árabe e Medieval

No dia 19 de novembro, às 16h, o grupo Carmin’Antiqua apresentará o concerto “Música Árabe e Medieval”. Com a participação de Sara Afonso, Susana Moody, Eduardo Ramos, Luís Almeida e Gonçalo do Carmo, os espectadores serão transportados para o Médio Oriente, explorando os sons exóticos e misteriosos da música árabe e medieval. A soprano Sara Afonso encanta com a sua voz poderosa, enquanto os demais artistas trazem uma variedade de instrumentos, como oud, gaita-de-foles e flautas, criando uma atmosfera única e envolvente.

Coelestis Harmonia: O Sagrado e o Profano nos Séculos XII e XIII

No dia 25 de novembro às 16h, o Azzizi Ensemble presenteia-nos com um concerto intitulado “Coelestis Harmonia”. Nesta apresentação, a voz de Orlanda Velez Isidro une-se à fídula de Pieter Affourtit, à percussão de Tiago Manuel Soares e às flautas de António Carrilho para nos levar numa viagem musical entre o sagrado e o profano nos séculos XII e XIII. A combinação única destes instrumentos e vozes cria uma harmonia celestial que nos transporta para um tempo distante.

Orlanda Velez Isidro, nascida em Évora, é uma talentosa cantora que estudou violino e piano desde tenra idade. Com especialização em música antiga, ela traz uma paixão e um conhecimento profundo para as suas performances. Pieter Affourtit, nativo da Holanda, é um virtuoso da fídula e também se dedica à pesquisa e confecção de arcos históricos. Tiago Manuel Soares, um percussionista talentoso, e António Carrilho, um flautista versátil, completam o conjunto, trazendo uma riqueza de sonoridades para este concerto único.

O Encanto da Peregrinação a Santiago

Encerrando o ciclo no dia 26 de novembro às 16h, o Ensemble de Música Antiga Resonet leva-nos numa viagem musical inspirada na peregrinação a Santiago. Neste concerto, intitulado “Ay, Santiago!”, os trovadores galegos Pai Gomez Charinho, Airas Nunez e Nuno Fernandez reúnem as suas obras, juntamente com canções populares e romances medievais que retratam a jornada dos peregrinos de toda a Europa. Além disso, obras do Códice Calixtino e canções de Alfonso X sobre milagres no Caminho de Santiago complementam o programa. É uma oportunidade única de experimentar a música da peregrinação a Compostela durante a Idade Média.

O Ensemble Resonet, composto por Mercedes Hernández (soprano), Paulo González (frautas, sanfona e gaita de foles), Carlos Castro (percussão e saltério) e Fernando Reyes (cítolas e direção), é especializado na interpretação de música antiga. Com mais de 20 anos dedicados à pesquisa e divulgação das músicas do Caminho de Santiago e da Galiza, Mercedes Hernández e Fernando Reyes trazem uma expertise única para esta apresentação.

O Ciclo de Música Medieval Cezimbra Antiqua é uma oportunidade imperdível para os amantes de música e de história. Cada concerto oferece uma experiência única, levando-nos numa viagem pelas sonoridades e melodias da Idade Média e do Renascimento. Os talentosos músicos e cantores envolvidos trazem autenticidade e paixão a cada performance, transportando-nos para uma época distante, mas ainda tão presente na nossa cultura.

Não perca a oportunidade de participar neste ciclo musical fascinante. Reserve a data e mergulhe na atmosfera encantadora do Ciclo de Música Medieval Cezimbra Antiqua. Desfrute da magia da música medieval e renove a sua conexão com a história e a cultura de tempos passados.

PARTILHE NAS REDES
- PUBLICIDADE -

Você também pode gostar:

Carnaval-de-Sesimbra
Lazer
Carnaval de Sesimbra: Um Festival de Alegria e Tradição

O Carnaval de Sesimbra está a chegar, e promete encantar os foliões com a

O-Fio-da-Macaquinha
Cultura
“O Fio da Macaquinha”: Uma Dança Encantadora em Sesimbra

Sesimbra vai receber a apresentação de dança “O Fio da Macaquinha”, realizada pela Companhia