Exposição “A PIDE em Pinhal Novo – Para que a memória não esmoreça”

Durante o mês de janeiro, tem lugar a emocionante exposição “A PIDE em Pinhal Novo – Para que a memória não esmoreça”,em exibição na Biblioteca Municipal de Pinhal Novo. Esta exposição faz parte do programa “Abril para Já!”, que comemora o 50º aniversário do 25 de Abril.

Homenageando os presos políticos de Pinhal Novo

A exposição tem como objetivo prestar homenagem aos presos políticos de Pinhal Novo, que foram vítimas da ditadura durante 48 anos. Nomes como António Marreiros, Manuel Veríssimo da Silva, José Artur dos Santos Cardoso, José Ferreira da Silva, Artur Pereira das Neves, António Augusto Boteta Grilo, Carlos Alberto da Silva, Desidério de Oliveira Macau, Rodrigo Apolónia Bento e Brito da Silva Rosa fazem parte da história da luta contra o fascismo em Portugal. Estes indivíduos corajosos foram presos políticos em locais como Tarrafal, Peniche, Setúbal, Aljube e Caxias, e permanecem como exemplos de determinação, coragem e sacrifício em nome da liberdade e da democracia.

Uma história de coragem e sacrifício

Estes presos políticos de Pinhal Novo são verdadeiros heróis, que enfrentaram a opressão do regime ditatorial e defenderam com bravura os valores da liberdade e da democracia. As suas histórias são testemunhos vivos do poder da resistência e do desejo humano de justiça e igualdade.

Ao visitar a exposição, tem a oportunidade de mergulhar nestas histórias de coragem e sacrifício. Através de documentos, fotografias e objetos pessoais, pode conhecer mais sobre a vida dos presos políticos de Pinhal Novo e entender o impacto que tiveram na luta contra a ditadura em Portugal.

Um convite para visitar

A entrada para a exposição “A PIDE em Pinhal Novo – Para que a memória não esmoreça” é gratuita, tornando-a acessível a todos os interessados em conhecer esta parte importante da história de Portugal. A exposição é organizada pela Câmara Municipal de Palmela e pode ser visitada durante o horário de funcionamento da Biblioteca Municipal.

Horário de funcionamento da Biblioteca Municipal de Pinhal Novo:

  • Terça a sexta-feira: das 10h às 19h.
  • Sábados: das 14h às 19h.

Itinerância pela região

Além disso, ao longo deste ano, a exposição estará em itinerância por vários locais do concelho de Palmela, percorrendo todas as freguesias. Esta iniciativa visa levar a exposição às comunidades locais, para que mais pessoas possam ter acesso a estas histórias inspiradoras de resistência e luta pela liberdade.

Mais informações

Para mais informações sobre a exposição “A PIDE em Pinhal Novo – Para que a memória não esmoreça”, você pode entrar em contato com a Câmara Municipal de Palmela através do telefone 212 336 640 ou do e-mail patrimonio.cultural@cm-palmela.pt.

Não perca a oportunidade de conhecer de perto a história dos presos políticos de Pinhal Novo e inspirar-se com as suas histórias de coragem e determinação. Visite a exposição e faça parte desta homenagem à memória e à luta pela liberdade e democracia em Portugal.

PARTILHE NAS REDES
- PUBLICIDADE -

Você também pode gostar:

Sopa-Caramela
Gastronomia
Fins de Semana Gastronómicos de Palmela: É a vez da Sopa Caramela

Nos fins de semana de 3 a 5 e 10 a 12 de maio,

Meee-Festival-Folk
Cultura
Méee Festival Folk: Celebrando a Música e Dança Tradicional em Quinta do Anjo

Prepare-se para o Méee Festival Folk, um evento cultural vibrante que transforma a pitoresca

Formacao-para-a-Comunidade
Lazer
Novas Ações de Formação para a Comunidade em Maio

O projeto “Formação para a Comunidade”, desenvolvido pela Câmara Municipal de Palmela em parceria