Jorge Palma: O Músico Rebelde e Amado pelo Público Toca em Almada

Jorge Palma é um nome incontornável da música portuguesa. Compositor, intérprete e pianista exímio, Palma conquistou tanto os colegas de profissão como o público, tornando-se um artista célebre e amado. A sua carreira musical é marcada pela autenticidade, rebeldia e genuinidade, características que o distinguem como um músico único e imprevisível. Neste artigo, vamos explorar o percurso de vida de Jorge Palma, desde os primeiros passos na música até aos grandes sucessos que o consagraram como um dos grandes nomes da música portuguesa, antes da sua atuação Teatro Municipal Joaquim Benite a 20 de janeiro.

Os Primeiros Passos na Música

Jorge Palma nasceu com uma paixão pela música. Aos seis anos de idade, começou a aprender piano, revelando desde cedo um talento excepcional para o instrumento. Além da formação erudita, Palma também se interessou pelo rock ‘n’ roll e pela música popular americana e inglesa durante a adolescência. Foi neste período que começou a definir a sua identidade musical, absorvendo influências e criando a sua própria sonoridade.

O Percurso Artístico de Jorge Palma

Durante os anos 70 e o início da década de 80, Jorge Palma dividiu o seu percurso artístico entre as primeiras edições fonográficas em Portugal e as ruas e carruagens de metro de cidades europeias. Foi nesta fase que começou a construir uma base de fãs fiéis e a consolidar a sua reputação como um músico talentoso e autêntico.

Em 1990, Jorge Palma concluiu o Curso Superior de Piano e, no ano seguinte, lançou o emblemático álbum “Só”, que se destacou por apresentar apenas voz e piano. Este trabalho marcou um ponto de viragem na carreira de Palma, consolidando a sua identidade musical e conquistando um lugar especial no coração do público.

Na década de 90, Jorge Palma formou o grupo Palma’s Gang e participou em projetos como os Rio Grande e os Cabeças no Ar. Ao longo da sua carreira, lançou vários discos de originais, compôs êxitos não só para si próprio, mas também para outros intérpretes, e conquistou vários discos de ouro, incluindo a dupla platina com o álbum “Voo Nocturno”.

Obras Transversais e Hinos Atemporais

A obra de Jorge Palma é marcada por canções transversais, que atravessam gerações e continuam a emocionar o público. Temas como “Frágil”, “Deixa-me Rir”, “Dá-me Lume” e “Encosta-te a Mim” tornaram-se verdadeiros hinos atemporais da música portuguesa. Estas canções refletem não só a genialidade musical de Palma, mas também a sua capacidade de tocar a alma do público com letras profundas e melodias envolventes.

O Regresso Aguardado

Após uma pausa de 12 anos na gravação de originais, Jorge Palma lançou em 2023 o tão aguardado álbum “VIDA”. Este regresso marcou um novo capítulo na carreira do músico, que continua a surpreender e encantar o público com a sua música única e cativante. Atualmente, Palma encontra-se em digressão por todo o país, levando a sua arte a diferentes palcos e conquistando novos admiradores a cada espetáculo.

Ficha Artística e Informações Adicionais

Para os espetáculos ao vivo, Jorge Palma conta com uma talentosa banda que o acompanha no palco. A ficha artística inclui o seu filho Francisco Palma na guitarra acústica e coros, Gabriel Gomes no acordeão, João Correia na bateria, Nuno Lucas no baixo, Pedro Vidal nas guitarras, coros e direção musical, e o outro filho Vicente Palma na guitarra acústica, teclados e coros.

Jorge Palma e a sua banda sobem dia 20 de janeiro, às 21h, ao palco da Sala Principal do Teatro Municipal Joaquim Benite. Os bilhetes têm o custo de 25€ e podem ser adquiridos aqui ou na bilheteira do TMJB. Os horários de funcionamento da bilheteira são de quarta a sábado das 13h30 às 22h30 e domingo das 13h30 às 19h30. Para mais informações, é possível entrar em contacto através dos telefones 21 273 93 60 e 917 433 120 ou do email bilheteira@ctalmada.pt.

Jorge Palma é um músico singular e amado pelo público português. A sua carreira musical, marcada pela autenticidade e genuinidade, conquistou uma legião de fãs ao longo dos anos. Com uma obra repleta de canções transversais e hinos atemporais, Palma continua a emocionar e a cativar o público com a sua música única e envolvente. O regresso em 2023 com o álbum “VIDA” provou que a sua genialidade musical permanece intemporal. Não perca a oportunidade de assistir ao espetáculo de Jorge Palma no Teatro Municipal Joaquim Benite e deixe-se encantar pela sua arte inigualável.

PARTILHE NAS REDES
- PUBLICIDADE -

Você também pode gostar:

Sinfonia-N9-de-Beethoven
Cultura
A Sinfonia N.º 9 de Beethoven: Um Hino à Fraternidade e à Humanidade no TMJB

A Sinfonia n.º 9, também conhecida como “A coral”, é uma obra icónica do

Bibliotecas-Humanas
Cultura
Bibliotecas Humanas: Uma Janela para a História de Almada

As Bibliotecas Humanas têm-se revelado uma atividade enriquecedora nas redes municipais de bibliotecas em

Uma-Peca-de-Malabarismo
Cultura
“Nuit” - Uma Peça de Malabarismo para Toda a Família

A peça “Nuit” é uma experiência vertiginosa que nos transporta para um mundo paralelo,