Setúbal Recebe Sessão de “Canto Moço Moço – Direitos Humanos na Voz de José Afonso”

Setúbal Recebe Sessão de “Canto Moço Moço – Direitos Humanos na Voz de José Afonso”

No próximo dia 25 de Outubro, às 15h, a Associação José Afonso (AJA) apresenta a Sessão de Encerramento do Projeto “Canto Moço Moço – Direitos Humanos na Voz de José Afonso”. A sessão terá lugar na Casa da Cultura de Setúbal, localizada na Rua Detrás da Guarda 28, em Setúbal.

O Projeto Canto Moço Moço

Promovido no âmbito do programa Cidadãos Activ@s/EEA Grands, o projeto “Canto Moço Moço – Direitos Humanos na Voz de José Afonso” foi desenvolvido ao longo de dois anos em colaboração com professores, alunos e ativistas de escolas e associações. O objetivo foi sensibilizar, envolver e empoderar os jovens na defesa dos direitos humanos, promovendo uma cidadania mais ativa, consciente e participativa.

Durante a sessão de encerramento, serão apresentados os resultados do trabalho desenvolvido, visando a divulgação, disponibilização e continuidade do projeto. A sessão será aberta ao público e contará com as intervenções de Francisco Fanhais, presidente da Direção da Associação José Afonso, Helena Fonseca, Miguel Gouveia e João Madeira, responsáveis pelo desenvolvimento dos recursos e coordenação de professores.

A Importância dos Direitos Humanos

Para que o mundo não esqueça as atrocidades ocorridas durante a Segunda Guerra Mundial, a Organização das Nações Unidas aprovou, em 1948, a Declaração Universal dos Direitos Humanos. Esta declaração estabelece os direitos fundamentais que a humanidade deve seguir para alcançar a paz. O projeto “Canto Moço Moço” tem como objetivo dar a conhecer esses direitos através da voz de José Afonso, cujas letras das canções guardam as lutas que possibilitaram a liberdade.

À medida que nos aproximamos da celebração dos 50 anos do 25 de Abril, renova-se a importância da educação das novas gerações nos valores humanos e na prática da democracia.

Sobre a Associação José Afonso

A Associação José Afonso (AJA) foi criada em 18 de Novembro de 1987 com o propósito de honrar o legado de José Afonso como artista e cidadão empenhado na causa da liberdade e da solidariedade. José Afonso foi um ser humano atento, livre, inquieto e de um profundo humanismo crítico. As suas canções, tanto as de um lirismo tocante quanto as de combate e denúncia da exploração e hipocrisia, deram voz à luta e à ira dos mais desfavorecidos e às aspirações de libertação dos povos oprimidos, apontando a utopia como único caminho a seguir para a realização plena do ser humano.

A AJA tem como missão valorizar e divulgar este legado enquanto património universal. A associação definiu objetivos concretos que a norteiam, e trabalha constantemente para que as gerações futuras continuem herdeiras desta obra ímpar e intemporal, não perdendo o rumo da mensagem de José Afonso.

Para mais informações sobre o projeto e a associação, entre em contato pelo e-mail projetocantomoco@gmail.com ou ligue para Helena Carmo, na Associação José Afonso, pelo número +351 963 460 757.

Visite o site da associação e siga nas redes sociais Facebook e Instagram.

PARTILHE NAS REDES
- PUBLICIDADE -
Também poderá gostar de
Celebrando-os-Sabores-Locais
Gastronomia

Celebrando os Sabores Locais: CM de Setúbal quer Promover a Gastronomia Local

A culinária é uma das expressões mais ricas e autênticas da cultura de uma região. Ela não nos delicia apenas com os seus...

Ciclo-Moinho-Convida
Cultura

Redescubra a Riqueza Cultural e Gastronómica do Estuário do Sado no Ciclo Moinho Convida

O estuário do Sado é uma verdadeira jóia escondida no coração de Portugal, repleta de riquezas naturais, culturais e gastronómicas que esperam ser...

Castelos-da-Arrabida
Cultura

Desafio Épico: Explorando os Castelos da Arrábida em uma Jornada Inesquecível

A Península da Arrábida é uma região repleta de encantos naturais e históricos, atraindo aventureiros e amantes da natureza de todo o país....